BanZ UV Protective Sunglasses for Babies and Kids

9 mitos sobre óculos de sol desmascarados

Mito nº 1: Todos os óculos de sol possuem proteção UVA e UVB
Apesar dos riscos para a saúde decorrentes da exposição aos raios UV, nem todos os óculos de sol possuem proteção UV. Como a proteção UV é crucial para proteger os olhos da radiação prejudicial, é imperativo procurar uma etiqueta, adesivo ou etiqueta indicando proteção UV antes de comprar um par de óculos de sol.

Mito nº 2: Óculos de sol com proteção UV são caros
Você não precisa pagar um prêmio para obter proteção UV adequada. A proteção UV deve sempre ser fornecida, independentemente do preço ou local de venda. O preço pode influenciar nas armações dos óculos de sol, na qualidade das lentes e/ou no material específico das lentes.

Mito nº 3: Quanto mais escura for a lente, melhor será a proteção
A proteção UV não tem nada a ver com a escuridão ou a cor de uma lente. Lentes escuras sem proteção UV adequada podem, na verdade, ser piores do que nenhum óculos de sol, porque causam a dilatação da pupila do olho, o que aumenta a exposição da retina aos UV não filtrados.

Mito nº 4: As crianças não precisam de óculos de sol tanto quanto os adultos
As crianças recebem três vezes mais exposição solar anual do que os adultos, aumentando a sua suscetibilidade aos danos oculares causados ​​pelos raios UV. E, ao contrário do cristalino maduro de um olho adulto, o cristalino imaturo de uma criança não consegue filtrar os UV tão facilmente. A necessidade de proteção UV para crianças é agravada pelo facto de ser mais fácil encontrar óculos de sol para jovens que não proporcionam proteção UV adequada. É por isso que os pais devem sempre testar os óculos de sol dos seus filhos quanto à proteção UV.

Mito nº 5: Você não precisa de óculos de sol em dias nublados
Os raios UV são tão perigosos em dias nublados quanto em dias claros. Assim como a pele, os olhos podem acumular radiação UV prejudicial em dias nublados, portanto, use proteção adequada para os olhos e a pele quando estiver ao ar livre.

Mito #6 Os óculos de sol são apenas uma questão de estilo, não de saúde
A exposição prolongada à luz UV pode causar sérios danos a longo prazo ao olho humano. Os efeitos negativos podem levar anos ou mesmo décadas para aparecer e podem ter um grande impacto na saúde da visão mais tarde na vida. Um bom par de óculos de sol pode ajudar a minimizar o risco de doenças oculares, como catarata e degeneração macular, que podem levar à perda permanente da visão.

Mito nº 7: Óculos de sol não são apropriados para pessoas com óculos graduados
Qualquer pessoa exposta aos raios UV deve proteger-se com óculos de sol. Pessoas que usam óculos graduados regularmente devem usar óculos de sol Rx quando estiverem ao ar livre. E mesmo aqueles com lentes de contato devem usar óculos escuros para proteger as partes expostas do olho. Um optometrista pode equipar você com o par perfeito de óculos de sol graduados.

Mito nº 8: O sol é mais fraco no inverno, o que significa que os olhos ficam mais seguros e menos propensos a serem expostos aos nocivos raios UV
Semelhante aos dias nublados, os dias frios também apresentam risco de UV. O sol está presente o ano todo, o que significa que os raios UV são constantes, independentemente do clima. Os raios UV não podem ser vistos, mas os seus efeitos a longo prazo são extremamente prejudiciais para os olhos.

Mito nº 9: O olho não é mais vulnerável aos raios UV solares do que outras partes do corpo.
Mais do que qualquer outro órgão, exceto a pele, o olho pode sofrer lesões significativas causadas pelo sol.

- O Conselho de Visão

Voltar para o blog